Preparação Antes do Mergulho

O planeamento é a maneira mais segura de evitar frustrações decorrentes de mal entendidos com o companheiro de mergulho, de evitar esquecimentos de equipamento e de prever as condições do local de mergulho.

A preparação antes do mergulho deve ser realizada de modo a antecipar, discutir e concordar sobre o maior número de variáveis possíveis.

Antes de iniciar o mergulho, cada mergulhador deve fazer a verificação do seu equipamento e do equipamento do seu companheiro de mergulho.

  1. Começar pelo colete, verificando o funcionamento da mangueira de admissão, da traqueia e das válvulas de segurança e purga rápida.
  2. Depois verificar se a garrafa está aberta, qual a pressão do ar indicada no manómetro, o débito dos reguladores principal e do 2º andar de emergência, a existência de fugas (deficiência da junta tórica) e o estado das mangueiras.
  3. Finalmente verificar se a garrafa está bem fixa ao colete,
  4. Se todas as precintas do colete estão funcionais,
  5. Se as precintas da máscara e das barbatanas estão em boas condições,
  6. Se o sistema de lastro ou cinto de lastro está adequado ao tipo de mergulho
  7. Se os instrumentos estão devidamente seguros e operacionais (manómetro, 2º andar de emergência, etc.).

Para não esquecer a sequência adequada para a verificação do equipamento, pode-se utilizar a mnemónica FAP (Módulo 15 – Planeamento Básico no Mergulho).

Deve levar-se em linha de conta se o equipamento é o mais adequado para o tipo de mergulho que vai ser efetuado.

A avaliação da disposição do companheiro também é fundamental para que o mergulho decorra nas melhores condições. Na fase de preparação do mergulho ainda se pode alterar a planificação de acordo com o seu estado físico ou emocional.