Barotraumatismo dos Dentes

Surge em indivíduos com cáries dentárias que têm granulomas ou nevrites dentárias e obturações.

Na descida

Deve-se ao aumento da pressão sobre a estrutura inflamatória que nestas circunstâncias se torna extraordinariamente sensível aos estímulos térmicos ou mecânicos.

Na subida

O barotraumatismo é provocado pela expansão do ar aprisionado em cáries ou dentes mal obturados.

Tem acontecido várias vezes que as obturações sejam expulsas durante o regresso à superfície e em casos mais graves, chega a haver mesmo fractura do dente.

PREVENÇÃO

Para evitar este acidente impõe-se uma visita ao médico dentista sempre que existam problemas dentários, sejam eles quais forem.

Se no início da subida se começarem a manifestar sintomas dolorosos, o mergulhador deverá parar e descer uns metros até que a dor desapareça, após o que reiniciará a subida muito lentamente, de modo a permitir a saída do ar e consequente redução da pressão no interior da cárie.

Os portadores de próteses devem dar uma atenção particular à solidez de fixação, que deve ser garantida pelo especialista sempre que se pretende iniciar esta atividade ou se recomeça após um período longo de inatividade.

Este barotraumatismo pode verificar-se tanto na descida como na subida.